DIVERSOS | 28/07/2023

MS se consolida como referência na sustentabilidade do setor madeireiro

Mato Grosso do Sul, um dos estados mais ricos em recursos naturais, tem se destacado como uma referência nacional no setor de madeira sustentável. Com vastas florestas nativas e um compromisso firme com a preservação ambiental, a região tem atraído a atenção de empresas que valorizam a responsabilidade ambiental, o que têm sido fundamentais para o avanço desse importante segmento.

 

Com uma visão voltada para a preservação do meio ambiente e a valorização dos recursos naturais, a região se tornou um exemplo a ser seguido. A Ipê Madeiras, como uma das principais representantes do setor madeireiro, tem atuado em estreita colaboração com as autoridades locais para garantir o manejo responsável das florestas e a utilização consciente dos recursos naturais.

 

“Temos orgulho de ser uma marca que desempenha um papel crucial em suprir as demandas do setor. Nossa abordagem baseia-se em três pilares principais: fornecimento sustentável, qualidade excepcional e variedade. Entendemos a importância da sustentabilidade e nos comprometemos a fornecer madeiras provenientes de fontes responsáveis. Implementamos práticas de manejo florestal sustentável, o que significa que garantimos a regeneração das florestas de onde extraímos nossa matéria-prima”, ressalta o coordenador de vendas da Ipê Madeiras, Lucas Alfonso.

 

A abundância de florestas nativas em Mato Grosso do Sul torna a região um cenário ideal para a produção de madeira sustentável. “Nossa dedicação a esses princípios nos permite ser um parceiro confiável para pecuaristas, arquitetos, construtores, marceneiros e consumidores em geral, contribuindo para o desenvolvimento de projetos bem-sucedidos e sustentáveis. Além disso, a qualidade dos nossos produtos é uma prioridade inegociável”, disse Alfonso.

 

Uma das principais características do setor é o compromisso com certificações reconhecidas internacionalmente. Que atestam sua atuação responsável, da produção. “Garantimos que todas as nossas madeiras são provenientes de fontes legítimas e sustentáveis. Essas certificações asseguram que os produtos da Ipê Madeiras provêm de florestas manejadas de forma sustentável, que respeitam os direitos dos trabalhadores e contribuem para a conservação da biodiversidade”, concluiu.

 

Além dos benefícios ambientais, o setor de madeira sustentável tem um impacto positivo significativo no desenvolvimento socioeconômico de Mato Grosso do Sul. A produção de madeira legalizada gera empregos e renda para a população local, promovendo o crescimento da economia regional, é o que aponta o presidente do Sindicato Rural de Campo Grande, Rochedo e Corguinho, Alessandro Coelho.

 

"Acreditamos que a sustentabilidade vai além do meio ambiente. É também sobre a responsabilidade social e o compromisso com as comunidades em que estamos inseridos. A produção e o comércio responsável de madeira geram empregos, movimentam a economia local e fomentam o desenvolvimento de comunidades em toda a região. Projetos socialmente responsáveis, tem se tornado um agente impulsionador do desenvolvimento em Mato Grosso do Sul. Com um olhar voltado para o futuro, buscamos constantemente novas maneiras de contribuir para o crescimento econômico do estado, sempre respeitando os princípios da sustentabilidade”, comentou Coelho.

 

Sobre a Ipê Madeiras

 

Com madeiras provenientes de manejos florestais, a Ipê Madeiras ajuda a suprir as demandas de madeiras por meio de um fornecimento sustentável, qualidade excepcional e uma ampla variedade de produtos. 

 

Atualmente trabalham com dois públicos-alvo: o agro e a construção civil. Esses dois públicos sempre levam em consideração o custo-benefício do produto, para tanto sempre aliamos qualidade do produto, preços competitivos com mercado e uma logística otimizada.

 

Para saber mais, acesse o site: ipemadeiras.agr.br e acompanhe as novidades pelo instragram @ipemadeirasga.

Deixe seu comentário

Notícias Relacionadas